Notícias

6/recent/ticker-posts

Festa Junina ou Festival Musical? Saiba mais sobre as atrações da Capital do Forró

 

g1 conversou com Matuê, cantor de trap, uma dos ritmos novos que fazem parte do São João 2024 de Caruaru. 

Mais uma vez, o São João de Caruaru, no Agreste de Pernambuco, vem com uma programação composta por diversos ritmos além do forró. Cantores de diversos gêneros musicais fazem parte da grade 2024, mas alguns nomes chamam atenção por serem de ritmos que ainda não tinham aparecido na festa. É o caso do trap, que na verdade é um desdobramento do rap, que eclodiu nos EUA. 

Basicamente a diferença os dois ritmos são as temáticas e a melodia. Isso porque enquanto o rap traz mais músicas de protesto, ostentação, o trap tem músicas que abordam mais o amor, a sexualidade, além de ter uma batida mais leve, mais lenta. Este gênero musical tem crescido mundialmente, impulsionado pelas plataformas digitais. 

Segundo o professor da Universidade de Pernambuco e pesquisador de música, Thiago Soares, o cantor Matuê ,que vai fazer uma apresentação no Pátio de Eventos dia 22 de junho, é o grande nome do Trap do momento no Brasil.

“Matuê é o grande expoente do ritmo no Brasil. Ele com sua pegada pop tem sido ídolo da juventude pela construção pop e letras mais suaves" , explicou Thiago.

O g1 conversou com o Matuê , artista que tem mais de 10 milhões de seguidores no Instagram , e disse que já está na expectativa para o show em Caruaru. Ele falou sobre o avanço do Trap no Brasil.

g1: Matuê, você já conhecia o São João de Caruaru?

Matuê:  Claro que sim, eu sou de Fortaleza e cresci escutando que o São João de Caruaru era o maior do país, mas nunca tive a oportunidade de me apresentar lá. Essa vai ser a primeira vez e eu confesso que tô bem ansioso para levar o rap nordestino pra essa festa tão importante!

g1: O que o público pode esperar do show no Pátio de Eventos?

M: Cara, podem esperar um show muito animado, vamos levantar a vibe da rapaziada e levar o melhor do rap para o palco do São João. Para o meu show eu posso dizer que tô preparando uma apresentação massa junto da minha equipe, meu DJ, tecladista e guitarrista e juntos vamos proporcionar pro público uma noite mais do que especial!

 g1:Já se apresentou em Pernambuco? Quais cidades?

M: Mano, já me apresentei várias vezes em Pernambuco e confesso que foram tantas, que chego até a perder as contas. Já participei de festivais em Recife. Um show muito especial que fiz foi esse ano, no Marco Zero durante o Carnaval, a rapaziada foi em peso, tinha mais de 30 mil pessoas e com certeza é uma performance inesquecível pra mim. O público de Pernambuco é muito especial e sempre colocam a energia lá em cima.

g1: Como você vê o avanço do Trap brasileiro?

M: Eu vejo o trap evoluindo cada vez mais, quando comecei em 2016 não tinha muitos artistas no gênero e pouca visibilidade para nosso trabalho. Nos últimos anos o trap explodiu, hoje dominamos as paradas musicais e estamos sempre dentre os maiores hits do ano, vem surgindo artistas muito jovens e talentosos que estão fazendo um trabalho fera, principalmente os artistas do Nordeste.

O eurodance

Outra atração que também foi bastante comentada desde o lançamento do São João foi a Banda Double You , grupo que surgiu na Itália e que vai trouxe para o São João a eurodance, gênero musical de música eletrônica que se originou no final dos anos 80 na Europa. A banda ficou mundialmente conhecida pelo cover da canção "Please Don't Go". O grupo se apresentou na quarta-feira (12), noite dos namorados e empolgou bastante o público no Pátio de Eventos.

Mas além do trap e do eurodance, a programação do São João de Caruaru conta também com representantes do samba e pagode, como Jorge Aragão e a banda Menos é Mais; rap, o cantor Edson Gomes; sertanejo como Henrique e Juliano, Simone Mendes; axé com Ivete Sangalo e Cláudia Leite; brega com Priscila Senna e Rafaela Santos e o forró e suas diversas vertentes com nomes como Flávio José e Solange Almeida.

Ainda segundo o pesquisador de música, este movimento de mesclar gêneros musicais em um mesmo evento é uma tendência mundial. Atualmente, as festas populares estão se tornando festivais tanto para atrair o diversos tipos de público, como também para se manter comercialmente. O mercado da música pede isso, ainda segundo ele.

“Mas também é preciso ficar atento a esse novo formato. É preciso ter equilíbrio, os eventos precisam mesclar entre atrações de peso e também valorizar os artistas locais.”alertou Thiago.

O São João de Caruaru tem este ano 72 dias de festa. A programação começou dia 19 de abril com o São João na Roça. São 27 polos de festa. As atrações no principal deles, o Pátio de Eventos, começa dia 1 de junho e seguem até o dia 29. G1

Postar um comentário

0 Comentários