OFERECIMENTO/ PROPAGANDA

Notícias

6/recent/ticker-posts

Prefeitura de Belo Jardim assina decreto que regulariza a carga horária dos professores

 

Na sexta-feira (03), o prefeito do município, Gilvandro Estrela, ao lado da secretária de Educação e Tecnologia, Carmen Peixoto, assinou decreto que beneficia professores que ministram 50h/a complementares e terão a incorporação a seus vencimentos. O documento também regulariza a carga horária dos professores da Educação Infantil, dos anos iniciais do Ensino Fundamental e das Fases I e II da Educação de Jovens e Adultos (EJA) que passarão a receber por 187.5 h/a com a carga horária para as aulas atividades.

Em um vídeo gravado no momento da assinatura, o prefeito Gilvandro Estrela enfatizou que o decreto vai beneficiar os professores que nas gestões anteriores tiveram o salário reduzido quando parou de pagar as aulas atividades. “Hoje estamos assinando o decreto que vai valorizar aqueles professores, inicialmente quero me referir aos que tinham aulas de atividade e que o governo anteriormente rebaixou para 150h e que agora com esse decreto vão voltar a ter 187.5 h”.

E continuou. “São dois grandes momentos felizes, onde eu como professor e como gestor, ao lado de Carmen, estamos reconhecendo esse direito e valorizando essa categoria que vinha sendo, como eu disse anteriormente, penalizada, então quero dizer que a alegria em poder assinar e ao mesmo tempo honrar, passando a pagar já a partir deste mês de junho, se Deus quiser, no dia 25 e 26, o salário que é de direito, então o que eu peço em contrapartida o empenho de cada um para que possa de fato, junto conosco transformar de uma vez por todas a educação de Belo Jardim”, disse o prefeito.

Para a secretária Carmen essa oportunidade é crucial para enfatizar o quanto a gestão tem pensado no servidor, e deseja valorizá-los ainda mais. “Satisfação e gratidão ao prefeito. Estamos podendo anunciar esse decreto que vai formalmente, finalmente, reconhecer a carga horária era complementada os professores de 150 que estão com 50 horas aulas sem ser incorporada nos seus vencimentos, agora então estamos dando uma tranquilidade ao professor”, disse a secretária.

E finalizou. “O professor da nossa rede ganha nesse sentido da valorização, no sentido da oportunidade e também poder ter o seu horário de estudo. Um momento de bastante vitória, que temos que agradecer ao prefeito pela sensibilidade que como professor tem sido muito pontual conosco.

Postar um comentário

0 Comentários