OFERECIMENTO/ PROPAGANDA

Notícias

6/recent/ticker-posts

Prefeitura começa obra de ampliação em creche do distrito de Xucuru; unidade atenderá 126 crianças

Recurso utilizado no projeto de modernização e aumento do espaço é oriundo do Programa Dinheiro Direto na Escola - Estrutura (PDDE) complementado com recursos próprios

Famílias do distrito de Xucuru que utilizam os serviços da Creche Anjos do Saber terão um motivo a mais para trabalharem seguras enquanto suas crianças são cuidadas. A Prefeitura de Belo Jardim, através da Secretaria de Educação e Tecnologia, começou uma obra de ampliação da creche, cujo objetivo é oferecer mais qualidade de vida às crianças. 

O recurso utilizado no projeto de modernização e aumento do espaço é oriundo do Programa Dinheiro Direto na Escola - Estrutura (PDDE), que permite suprir a necessidade de infraestrutura dos ambientes escolares, complementado com recursos próprios. Os recursos do programa são transferidos conforme o número de alunos e baseado no censo escolar do ano anterior ao do repasse.

Com a ampliação, a Creche Anjos do Saber terá duas novas salas de aula e outra de gestão, secretaria, fraldário, muro de proteção do ambiente interno e cobertura da entrada. A reforma também incluiu a recuperação do telhado e do muro, a reestruturação da parte elétrica e hidráulica, e por último a pintura.

“Um dos compromissos da gestão é ampliar a oferta de vagas nas creches da zona rural do município. A ampliação da Creche Anjos do Saber é apenas o início do trabalho que ainda precisa ser feito para garantir o direito de todas as crianças belo-jardinenses à Educação Infantil”, disse a gerente de Ensino da Secretaria de Educação e Tecnologia, Karla Aprigio.

De acordo com a gestora, nenhuma criança deve ficar fora da escola, entretanto, elas não podem frequentar um ambiente sem as condições mínimas para o aprendizado e desenvolver ambientes dignos para os alunos é um comprometimento da gestão de Gilvandro Estrela.

Programa - O PDDE consiste na assistência financeira às escolas públicas da Educação Básica das redes estaduais e municipais, e às privadas de Educação Especial, mantidas por entidades sem fins lucrativos. O objetivo é conceder recursos para melhorar a infraestruturas física e pedagógica, o reforço da autogestão escolar e a elevação dos índices de desempenho da Educação Básica.

Segundo o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), o programa possui caráter suplementar e tem também o objetivo de contribuir para o provimento das necessidades prioritárias dos estabelecimentos educacionais beneficiários que concorram para a garantia de seu funcionamento, bem como incentivar a autogestão escolar e o exercício da cidadania com a participação da comunidade no controle social.

Os recursos financeiros são repassados em duas parcelas anuais, pelo FNDE, por intermédio da Coordenação do Dinheiro Direto na Escola (CODDE), que faz parte da Diretoria de Ações Educacionais (DIRAE), ambas vinculadas à autarquia.

Postar um comentário

0 Comentários