OFERECIMENTO/ PROPAGANDA

Notícias

6/recent/ticker-posts

“Trilhos da História”: conheça o projeto que visa resgate histórico e turístico de Belo Jardim com uso de vagões de trem da CBTU

 

Desde que a gestão atual assumiu a Prefeitura de Belo Jardim, em janeiro de 2021, a Secretaria de Cultura, Turismo, Esportes e Empreendedorismo (Secultee) tem estudado formas de resgatar o turismo e fomentar a cultura no município. Com isso, a pasta tem planejado a execução do projeto “Trilhos da História”, que traz a possibilidade da instalação de dois vagões de trens na cidade que serão utilizados para visitar os pontos turísticos de Belo Jardim.

“Será algo extraordinário e histórico. A Estação Ferroviária do nosso município voltará a ter vida e a cultura vai renascer naquele local. Só tenho a agradecer ao meu amigo fraterno, Mendonça Filho, que através de mais uma articulação política, consegue trazer mais uma novidade para o desenvolvimento de Belo Jardim”, afirmou o prefeito Gilvandro Estrela.

Para a execução do projeto, o presidente da Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU), José Marques, e alguns técnicos e engenheiros do órgão estiveram na Estação Ferroviária de Belo Jardim para avaliar as possibilidades de instalação dos vagões de trem, e, em um segundo momento, para a chegada de uma locomotiva tipo Maria Fumaça. Os técnicos da CBTU avaliam a possibilidade de implantação saindo da linha ferroviária de Tacaimbó, Lagoa da Inhumas, Belo Jardim e Sanharó.

“A nossa expectativa é que esse projeto seja executado o mais breve possível e, assim, possamos fomentar e desenvolver nosso turismo e a nossa história através de incentivos que atraiam cada vez mais turistas e movimentem os vários setores”, afirmou a secretária da pasta, Karina Veríssimo.

Ultimamente, a Estação Ferroviária passou por reformas e restaurações, mantendo-se fiel quase à totalidade de como era antigamente. O Projeto Trilhos da História tem três etapas até a conclusão. A primeira é a “Locomotiva do Conhecimento” e o “Vagão do Sabor”, como parte integrante do projeto, com a ideia de trazer de volta para o espaço da antiga estação, hoje Memorial da Cultura Nelson Ramalho, vagões datados da época para manter viva a história ferroviária de Belo jardim.

A “Locomotiva do Conhecimento” será um espaço no qual as pessoas terão a oportunidade de conhecer não apenas o vagão em si, mas também a parte histórica, já que ele servirá de centro de exposição fotográfica e audiovisual, contando a história de rede ferroviária no Brasil e em Belo Jardim.

O presidente da CBTU, José Marques, contou que ficou impressionado com o potencial turístico de Belo Jardim e garantiu que o município será um dos primeiros de Pernambuco a executar o projeto. “A CBTU vem prestando apoio técnico às prefeituras para desenvolver o turismo nos municípios onde tem ferrovia. Na minha visita a Belo Jardim, vi a ferrovia e o que foi deixado pela rede ferroviária, que tem um potencial incrível. Belo Jardim vai ser uma das primeiras cidades de Pernambuco que iremos atender com o projeto”, afirmou.

Postar um comentário

0 Comentários