OFERECIMENTO/ PROPAGANDA

Notícias

6/recent/ticker-posts

Vereador Thallys Bruno faz pedido de informação à Clínica Veterinária

Na sessão ordinária desta quinta-feira 02 de setembro, o vereador Thallys Bruno (Cidadania) fez um pedido de informação direcionado à Clínica Veterinária solicitando  que todas as informações concernentes a seu pedido sejam respondidas.

Atendendo representantes de ONGs, defensores da causa animal e colaboradores independentes, o jovem parlamentar vem sendo uma voz em defesa desta causa na Câmara Municipal.

Veja o que pediu o vereador.

PEDIDO DE INFORMAÇÃO:

1-Quantos funcionários trabalham no posto veterinário, quem são e qual a função de cada um?

2-Há assistente disponível para o veterinário durante as castrações? Se sim, quem é e se essa pessoa possui o curso de auxiliar em veterinária?

3-Quantas vagas para castrações são disponibilizadas por mês? Como se dá a divisão dessas vagas mensais para castrações?

4-Quais os critérios usados para a disponibilidade das vagas para castrações no quesito população? Existe prioridade quanto a destinação de vagas para pessoas de baixa renda? Se sim, quais os documentos comprobatórios exigidos para a verificação da renda e quantas vagas mensais para castração são destinadas a essas pessoas?

5-Para as ONGs e protetores independentes, que atuam voluntariamente no resgate e cuidado dos animais errantes, -que não possuem tutores- e estão nas ruas procriando de forma descontrolada, quantas vagas mensais são direcionadas para esse segmento de protetores e ONGs? Há prioridade de vagas para esses animais que estão nas ruas? Se sim, há separação da quantidade de vagas por sexo, ou seja, determinado número de vagas para animais errantes do sexo masculino e feminino para as ONGs e protetores independentes?

6-Quantas e quais são as ONGs e protetores independentes que fazem uso das castrações para animais em situação de rua?

7-Como é feita a seleção, cadastro e triagem para os animais que serão castrados?

8- Qual o tempo médio de espera para serem realizadas as castrações?

Postar um comentário

0 Comentários