OFERECIMENTO/ PROPAGANDA

Notícias

6/recent/ticker-posts

Reviravolta em Tacaimbó: Justiça eleitoral cassa mandatos de cinco vereadores aliados do prefeito Álvaro Marques (PT)

 

Em decisão publicada eletronicamente nessa terça-feira (11/05/21), o Juiz da 44ª Zona Eleitoral da Comarca de São Caetano, Thiago Pacheco Cavalcanti, cassou o mandato de cinco vereadores da cidade de Tacaimbó, no Agreste. A ação foi impetrada pelo diretório do Democratas, integrado por cinco advogados do partido.

Por fraude na Cota de Gênero, o PSB e o PT, partidos aliados do prefeito Álvaro Marques (PT), os vereadores, Vado Veneno e Faia de Riacho, ambos, do PSB, e Giva Lourenço, Madones Quaresma e Nadilson Nunes – estes, do PT, perderam seus mandatos e tiveram os votos das eleições municipais de 2020 anulados. A decisão também atinge os suplentes dos dois partidos.

A expectativa é que os suplentes mais votados do Democratas, Nenca de Besouro, Jai da Ração, Kiko Frederico, Cícero de Aluízio e Denis, assumam os mandatos no poder legislativo. As eleições em Tacaimbó estão longe de um final. Ainda tramita na Justiça Eleitoral uma ação também impetrada pelo Diretório do DEM, com pedido de perda de mandato do prefeito Álvaro Marques, por abuso de poder econômico no último pleito. Além da queda da sua base na Câmara de Vereadores, o prefeito também pode assistir amargamente a cassação do seu mandato. Com isso, novas eleições podem acontecer na Terra do Maxixe.

BJ1

Postar um comentário

0 Comentários