OFERECIMENTO/ PROPAGANDA

Notícias

6/recent/ticker-posts

Estudantes da rede municipal tem projeto sobre leitura aplicado nesse período de pandemia

 

Valorizando os alunos do município e trabalhando com dedicação pela Educação, a Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria de Educação, tem apoiado cada vez mais as equipes escolares que se dedicam em proporcionar aos estudantes o melhor ensino possível, diante da realidade vivida.

Com isso, o corpo docente da Escola Municipal Júlio Magalhães de Barros Júnior realizou, na última sexta-feira (26), o concurso de leitura online chamado “Para gostar de ler… em casa”, e foi aplicado com os alunos do 5º ano “B”, onde a professora Jane Cleide elaborou todo o formato do projeto para que eles tivessem a oportunidade de mostrar seus conhecimentos e ainda obter premiação.

O júri foi composto por três integrantes sendo elas a secretária de educação, Marta Medeiros, a secretária executiva pedagógica, Verônica Fragoso, e a gestora escolar, Joselma Feitosa.

“Hoje em dia, as crianças têm tido pouco contato com livros e obras literárias e cada vez mais buscam diversão e distração em jogos online e redes sociais, ocasionando pouco interesse para leitura e por consequência dificuldades marcantes como: vocabulário precário, reduzido e informal, dificuldade de compreensão, erros ortográficos, poucas produções significativas dos alunos, conhecimentos restritos aos conteúdos escolares”, disse a educadora, Jane Cleide.

Sabe-se que leitura é um hábito que contribui diretamente no crescimento e evolução do ser humano. Ter a escola como principal incentivador é algo necessário e de extrema importância, entretanto o apoio da família é indispensável, nesse momento as mãos devem estar ainda mais seguras para que haja o desenvolvimento intelectual desses educandos.

“Nossa missão é contribuir para a alfabetização e letramento desses estudantes, criando formas de aprendizagem e incluindo o formato remoto de acordo com a realidade de cada escola, ter ele como um auxiliador nesse momento é fundamental. E com esse projeto faremos com que os alunos alimentem sua imaginação infantil, contribuindo para o desenvolvimento da escrita e da leitura”, disse a secretária de educação, Marta Medeiros.


Postar um comentário

0 Comentários