OFERECIMENTO/ PROPAGANDA

Notícias

6/recent/ticker-posts

Lei do Nepotismo: Leonal Pimenteira convoca a população belo-jardinense a atirar ovo nos vereadores

 


Não é de hoje que Leonel Pimenteira critica o governo Gilvandro Estrela, na manhã desta terça-feira (23/02/21), em um vídeo que circula nas redes sociais, o médico belo-jardinense, que trabalha na Bolívia, incita a população para na noite de hoje, comparecerem até a Câmara Municipal de Belo Jardim. Pimenteira convoca a população a irem armados de ovo, até o Plenário da Câmara Municipal, o médico ainda chama os vereadores de pilantra, vagabundos e cabra safado, e termina o vídeo dizendo, ovo na cara desses vagabundo (VEREADORES), é o que eles merecem. A pergunta que não quer calar Leonel Pimenteira estará presente na Sessão da Câmara para também jogar ovo nos vereadores?

Confira a Nota do Prefeito Gilvandro Estrela veta projeto de lei da Câmara sobre nepotismo

O prefeito de Belo Jardim, Gilvandro Estrela, vetou integralmente nesta segunda-feira (22/02/21) o projeto de lei 003/2021 proposto pela Câmara de Vereadores solicitando a alteração da Lei 3.176/2017, que regulamentava sobre o Nepotismo em Belo Jardim. A lei em vigor, de 2017, é de autoria do próprio Gilvandro Estrela, enquanto vereador.

Defensor da legalidade e contra o nepotismo, Gilvandro Estrela esclareceu que a tentativa de mudança na referida lei não visava extinguir o crime de nepotismo e se deu de forma correta e legítima pela Câmara de vereadores, mas que, por tendo sido ele o autor da lei não estaria de acordo com a alteração proposta.

“Acreditamos que muitas melhorias têm acontecido desde o dia 1º de janeiro e sabedores que muito ainda tem que se mudar. A Lei do Nepotismo, produzida de maneira mais “dura” que os ditames federais acerca do nepotismo muito nos ajuda no combate incansável em prol de mais igualdade social”, relatou o prefeito em sua justificativa à Câmara.

Com o veto, a matéria, que não beneficia o prefeito ou vice com a autorização de contratações, retorna para a Câmara Legislativa para análise, cabendo aos vereadores votar novamente, mantendo ou derrubando o mesmo.


Postar um comentário

0 Comentários