ÚLTIMAS NOTÍCIAS

A experiência de Mendonça Filho para ser o nome da oposição no Recife


A experiência de Mendonça para ser o nome da oposição no Recife


Apesar do adiamento do calendário eleitoral para o mês de novembro, as articulações para a disputa pela prefeitura do Recife seguem a pleno vapor e a expectativa é que a oposição possa definir ainda este mês qual será sua estratégia para a disputa na capital pernambucana.

Com a experiência de ter sido deputado estadual, federal, secretário, vice-governador, governador e ministro, bem como ter disputado algumas eleições majoritárias, Mendonça Filho tem novamente se colocado, pela terceira vez, para tentar o comando da capital pernambucana.

Diante de um cenário em que a maioria dos postulantes tem pouca ou nenhuma experiência administrativa, o currículo de Mendonça Filho pode pesar a seu favor no processo eleitoral, porém isso não basta para transformar sua postulação num projeto competitivo.

É preciso que Mendonça mude sua forma de se comunicar com o eleitorado, fazendo com que suas qualidades, que não são poucas, sejam perceptíveis pelo eleitor recifense na disputa municipal. A eleição de 2020 pode ser um divisor de águas na trajetória de mais de 30 anos de Mendonça Filho, podendo lhe dar a condição de ser pela primeira vez vitorioso numa disputa majoritária encabeçando uma chapa.

Mendonça é um excelente produto, mas precisa de uma embalagem que ganhe adesão do eleitorado, que como consumidor exigente, poderá lhe dar a grande oportunidade da sua vida de ser um executivo pela sua própria capacidade, e para isso o ex-ministro da Educação terá que adotar uma postura disruptiva se quiser ter melhor sorte na disputa de novembro.
Edmar Lira

Nenhum comentário