CRIMES

[Crimes][grids]

NOTÍCIAS

[Notícias][stack]

POLÍTICA

[Política][grids]

ESPORTE

[Sportes][stack]

Se Liga Fest

[SE LIGA FEST][grids]

RELIGIÃO

[Religião][grids]

CIDADES

[Cidades][stack]

CULTURA

[Cultura][grids]

SE LIGA NO CLIP GOSPEL

TV BOA ESPERANÇA

Tecnologia do Blogger.

Secretário estadual perde mandato de vereador em Caruaru após julgamento do TRE


O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) decidiu retirar nesta terça-feira (9) o mandato do vereador de Caruaru, no Agreste de Pernambuco, Alberes Lopes. Atualmente ele está afastado do cargo e exerce a função de secretário estadual de Micro e Pequena Empresa, Qualificação e Trabalho

O TRE entendeu que Alberes cometeu infidelidade partidária ao trocar o Partido Republicano Progressista (PRP) pelo Partido Social Cristão (PSC) em 2018. A votação encerrou em cinco votos a dois contra o secretário. 

Por meio de nota, o TRE informou que "a Corte do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco julgou procedente a Ação de Perda de Cargo Eletivo por Desfiliação Partidária ajuizada contra o vereador de Caruaru Alberes Lopes. Como determinado pelo desembargador-relator, a Câmara Municipal será comunicada". A nota ainda diz que o atual secretário ainda pode recorrer ao TRE ou no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Também através de nota, Alberes Lopes disse que vai recorrer da decisão e se considera tranquilo. 

"Estou muito tranquilo. Sei que meu direito é bom, que não cometi infidelidade partidária, porque sai do PRP em 2018 com uma Declaração de Anuência do Partido e existiram justos motivos para a desfiliação. Percorri todos os caminhos, sempre com diálogo, como costumo fazer. A nossa defesa vai recorrer da decisão do TRE", disse a nota do secretário. 

A nota ainda cita que o processo contra o vereador foi movido pelo PRP municipal de Caruaru, mas a sigla desistiu da ação e a Procuradoria Regional Eleitoral passou a integrar o Polo Ativo do feito. Atualmente a vaga de Alberes na Câmara de Vereadores de Caruaru é ocupada pelo suplente Moysés Santos (PRP). Fonte: G1 Caruaru