CRIMES

[Crimes][grids]

NOTÍCIAS

[Notícias][stack]

POLÍTICA

[Política][grids]

ESPORTE

[Sportes][stack]

Se Liga Fest

[SE LIGA FEST][grids]

RELIGIÃO

[Religião][grids]

CIDADES

[Cidades][stack]

CULTURA

[Cultura][grids]

SE LIGA NO CLIP GOSPEL

TV BOA ESPERANÇA

Tecnologia do Blogger.

Devido à estiagem, comerciantes vendem milho mais caro em Belo Jardim, PE



O mês de junho chegou e com ele as tradicionais comidas típicas juninas que são indispensáveis na mesa de todo nordestino. Pamonha, canjica, bolo de milho, milho assado e cozinhado estão entre os principais aperitivos da época. A reportagem esteve conversando com comerciantes sobre a expectativa com as vendas para este ano.

De acordo com Genivaldo Barbosa do Nascimento, 32, a perspectiva de vendas é animadora, porém o preço é repassado um pouco mais caro ao consumidor. “Devido a falta de chuva na região e baixa produção de milho, tivemos que buscar milho em cidades mais distantes, como Ibimirim e Inajá, isso fez com que o preço subisse e a gente tivesse que aumentar o valor na hora da venda para não ficar no prejuízo”, explicou.

Ele conta também que o valor do milho varia de acordo com o tamanho da espiga. “Trabalhamos com dois tipos de milho, o que é mais cheio e outro que tem menos. O valor varia de acordo com o milho que o cliente vai querer. Temos três espigas por R$ 2 ou quatro espigas por R$ 2”, disse.

A venda de milho segue em Belo Jardim até o dia 25 deste mês. O principal ponto de vendas é na Pracinha Itec, na rua Pedro Firmino – Centro.
Fonte: Bj1