CRIMES

[Crimes][grids]

NOTÍCIAS

[Notícias][stack]

POLÍTICA

[Política][grids]

ESPORTE

[Sportes][stack]

Se Liga Fest

[SE LIGA FEST][grids]

RELIGIÃO

[Religião][grids]

CIDADES

[Cidades][stack]

CULTURA

[Cultura][grids]

SE LIGA NO CLIP GOSPEL

TV BOA ESPERANÇA

Tecnologia do Blogger.

Bolsonaro pode visitar Pernambuco em maio, diz FBC, líder do governo no Senado


O presidente Jair Bolsonaro (PSL) deve fazer uma visita ao Nordeste no próximo mês. Pernambuco provavelmente fará parte da primeira agenda oficial do chefe do Executivo na região. A sugestão foi do senador Fernando Bezerra Coelho (MDB), líder do governo no Senado. De acordo com o parlamentar, Bolsonaro indicou que virá ao estado, provavelmente, na segunda quinzena de maio. 

“Estive com o presidente na última quarta-feira (10) e falei que era uma boa ideia visitar os estados. Ele hoje está em visita ao Amapá e já disse que pretende ir ao Nordeste. Dei a sugestão para ir a Pernambuco em maio, e ele disse que iria”, disse o emedebista em entrevista ao Diario. Segundo o senador disse à reportagem, o roteiro de visita deverá ser definido até o fim de abril. Bolsonaro também afirmou ao aliado pernambucano que recebeu também um convite para visitar Campina Grande (PB). 

Questionado se a movimentação governista é em tentativa de aproximação com o Nordeste, onde Bolsonaro foi derrotado nas eleições de 2018 nos nove estados, o líder do governo afirmou que é uma agenda natural do mandatário e que se trata da continuidade do trabalho. “É agenda normal dele, pois o presidente tem que trabalhar em Brasília e correr o país para mostrar o que está fazendo. Recentemente, foi anunciado o 13º do Bolsa Família, aumento de recursos para saúde, determinação de atendimentos mais estendido nas unidades de saúde (no período noturno)”, declarou Bezerra Coelho.  

O presidente Jair Bolsonaro deve, na visita a Pernambuco, observar as condições de obras de infraestrutura, como a Adutora do Agreste, o Ramal do Agreste e a Transposição do Rio São Francisco. O objetivo é que as obras sejam concluídas durante o governo atual. “O trabalho será no sentido de conclusão do que está em curso”, afirmou o senador pernambucano. 

Após o feriado da Páscoa, que acontece na próxima semana, as atenções do governo também voltam para o Congresso Nacional. Na Câmara, fica a expectativa pela votação da Reforma da Previdência na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ). Enquanto isso, no Senado, a discussão do pacto federativo deve vir à tona. “Aprovamos, recentemente, a PEC/61, que a permite a transferência de recursos de emendas individuais dos parlamentares direto para estados e municípios. Diante disso, a questão do Pacto Federativo será muito discutida no Senado”, explicou Fernando Coelho. A redistribuição da arrecadação da União foi um dos pleitos levados pelos municípios na Marcha dos Prefeitos, que ocorreu em Brasília no meio da semana. “Estarão em discussão também a transferência de recursos do Fundo Social, cessão onerosa e do pré-sal para tentar descentralizar as receitas”, pontuou FBC.
Fonte: Diário de Pernambuco