CRIMES

[Crimes][grids]

NOTÍCIAS

[Notícias][stack]

POLÍTICA

[Política][grids]

ESPORTE

[Sportes][stack]

Se Liga Fest

[SE LIGA FEST][grids]

RELIGIÃO

[Religião][grids]

CIDADES

[Cidades][stack]

CULTURA

[Cultura][grids]

SE LIGA NO CLIP GOSPEL

TV BOA ESPERANÇA

Chapecoense vence o São Paulo e continua na elite do futebol brasileiro




CHAPE NA ELITE
A Chapecoense segue na Série A do Campeonato Brasileiro. Com gol de Leandro Pereira, o time catarinense venceu o São Paulo por 1 a 0, neste domingo, na Arena Condá, e se manteve na elite. O Tricolor, por sua vez, termina classificado para a Libertadores, mas sem conseguir ir direto para a fase de grupos. Veja abaixo os melhores momentos.

COMO FICA?
Com 44 pontos nas 38 rodadas do Brasileirão, a Chapecoense termina a competição na 14ª colocação. Já o São Paulo, com 63, ficou com o quinto lugar, depois de ter terminado o primeiro turno na liderança, com quase 72% de aproveitamento. Veja aqui a classificação geral.


PRIMEIRO TEMPO
A partida começou em ritmo lento na Arena Condá. Nenhum dos dois times se arriscou muito nos primeiros minutos. Mas foi o São Paulo que tomou a iniciativa. Nas duas melhores oportunidades, no entanto, Nenê chutou fraco na primeira e mandou para a lateral na segunda. Na reta final do primeiro tempo, a Chapecoense cresceu um pouco e assustou com cabeçada de Wellington Paulista na trave.

SEGUNDO TEMPO
Na etapa final, parecia que nenhum dos dois times queria a vitória. Ambos estavam apáticos na partida. Até que, aos 22 minutos do segundo tempo, Arboleda saiu jogando errado, deu um ataque de presente para a Chapecoense, e Leandro Pereira, de cabeça, completou após cruzamento de Canteros. Apático, o São Paulo não conseguiu esboçar nenhuma reação. E Jandrei não teve trabalho.


QUE SEQUÊNCIA!
Depois de conquistar o acesso à elite em 2013, a Chapecoense nunca mais voltou à Série B. Já são cinco anos seguidos na Série A. E 2019 será o sexto.

QUEDA DE PRODUÇÃO
Campeão do primeiro turno, com quase 72% de aproveitamento, o São Paulo não conseguiu repetir o desempenho no returno. Mais do que isso: o Tricolor teve o pior desempenho da história depois de terminar líder a primeira parte do Brasileirão. Desde 2003, apenas três vezes o primeiro colocado no turno terminou como vice. Nunca em quinto, como o São Paulo.
Fonte:GE