CRIMES

[Crimes][grids]

NOTÍCIAS

[Notícias][stack]

POLÍTICA

[Política][grids]

ESPORTE

[Sportes][stack]

Se Liga Fest

[SE LIGA FEST][grids]

RELIGIÃO

[Religião][grids]

CIDADES

[Cidades][stack]

CULTURA

[Cultura][grids]

SE LIGA NO CLIP GOSPEL

TV BOA ESPERANÇA

United vira segunda equipe mais valiosa do mundo em ranking de revista



Embora esteja vivendo um período de escassez de títulos, desde a saída do técnico Sir Alex Ferguson, em 2013, o Manchester United segue movendo muitos fundos por sua fama internacional. O clube inglês foi apontado pela revista "Forbes" - em seu tradicional ranking anual - como a segunda equipe de esportes mais valiosa de todo o mundo, atrás apenas do Dallas Cowboys, franquia da NFL, liga de futebol americano dos Estados Unidos.

Sempre bem posicionado na lista, os Red Devils ganharam uma posição com relação a 2017, deixando para trás o New York Yankees, equipe de beisebol norte-americana. De acordo com a conceituada revista, o United tem um valor total de US$ 4,12 bilhões (cerca de R$ 15,9 bilhões). Os Cowboys, líderes, estão avaliados em US$ 4,80 bilhões (R$ 16,3 bilhões).

Logo atrás do United vêm outros dois gigantes mundiais do futebol: Real Madrid e Barcelona. O clube merengue ultrapassou o grande rival no ranking da "Forbes", sendo avaliado em US$ 4,09 bilhões (R$ 15,7 bilhões) - o Barça tem valor apontado em US$ 4,06 bilhões (R$ 15,6 bilhões). Todo o restante do Top 10 do ranking é formado por equipes dos Estados Unidos - franquias de futebol americano, beisebol ou basquete.

O futebol reaparece na 12ª colocação, com o Bayern de Munique aparecendo na 12ª colocação, avaliado em US$ 3,06 bilhões (R$ 11,8 bilhões), e depois só dá as caras novamente na 30ª colocação, onde está o Manchester City, que tem valor de US$ 2,47 bilhões (R$ 9,5 bilhões). Somente mais dois times do esporte aparecem nos 50 nomes da lista: Arsenal, em 39º, valendo US$ 2,23 bilhões (R$ 8,5 bilhões), e Chelsea, em 46º, com valor de US$ 2,06 bilhões (R$ 7,9 bilhões).

Veja o Top 10 da lista da Forbes:
Dallas Cowboys (futebol americano) - US$ 4,80 bilhões
Manchester United (futebol) - US$ 4,12 bilhões
Real Madrid (futebol) - US$ 4,09 bilhões
Barcelona (futebol) - US$ 4,06 bilhões
New York Yankees (beisebol) - US$ 4 bilhões
New England Patriots (futebol americano) - US$ 3,7 bilhões
New York Knicks (basquete) - US$ 3,6 bilhões
Los Angeles Lakers (basquete) - US$ 3,3 bilhões
New York Giants (futebol americano) - US$ 3,3 bilhões
Golden State Warriors (basquete) - US$ 3,1 bilhões
Washington Redskins (futebol americano) - US$ 3,1 bilhões
Fonte:GE