CRIMES

[Crimes][grids]

NOTÍCIAS

[Notícias][stack]

POLÍTICA

[Política][grids]

ESPORTE

[Sportes][stack]

Se Liga Fest

[SE LIGA FEST][grids]

RELIGIÃO

[Religião][grids]

CIDADES

[Cidades][stack]

CULTURA

[Cultura][grids]

SE LIGA NO CLIP GOSPEL

TV BOA ESPERANÇA

Casas são invadidas por água após cano da Adutora do Agreste estourar em Toritama, PE

Moradores tiveram as casas e fabricos invadidos por água na tarde desta quarta-feira (4) após um cano que faz parte da Adutora do Agreste, da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), estourar em Toritama, no Agreste de Pernambuco. O caso aconteceu na rua Siqueira Campos, no bairro Fazenda Velha.      

Ao G1 a Compesa informou que adotou todos os procedimentos técnicos necessários logo após tomar conhecimento do estouramento de um trecho de uma tubulação, de 800 mm de diâmetro, do Lote 4, da Adutora do Agreste. Os registros foram imediatamente desligados para contenção da água, que chegou a invadir algumas casas. A Compesa acionou prontamente a construtora para que prestasse toda a assistência aos moradores para limpeza das casas e remoção da lama e entulhos na via. Os moradores das casas atingidas serão deslocados para um hotel para passar a noite, enquanto é feito todo o trabalho de limpeza.     

Ainda segundo a Companhia, a construtora também se responsabilizará por eventuais danos materiais aos moradores. Os técnicos da Compesa estão no local aguardando o esvaziamento da tubulação para que sejam iniciados os serviços de reparo da tubulação. A previsão para a conclusão dos serviços só poderá ser informada posteriormente, quando os técnicos conseguirem avaliar os danos da tubulação rompida. Não haverá prejuízo ao abastecimento da cidade, já que o ciclo de distribuição já havia sido finalizado quando ocorreu o acidente.    

Flávio Alexandre da Silva é dono de uma confecção, ao G1, ele informou que teve a casa invadida pela água "Foi uma coisa de outro mundo, só vendo para acreditar. Eu perdi móveis e o meu carro ficou cheio de água. E não foi somente eu, mais de 12 casas foram invadidas pela água. Foi um prejuízo só. ", afirma. Fonte: G1 Caruaru