CRIMES

[Crimes][grids]

NOTÍCIAS

[Notícias][stack]

POLÍTICA

[Política][grids]

ESPORTE

[Sportes][stack]

Se Liga Fest

[SE LIGA FEST][grids]

RELIGIÃO

[Religião][grids]

CIDADES

[Cidades][stack]

CULTURA

[Cultura][grids]

SE LIGA NO CLIP GOSPEL

CLICK NA TV SE LIGA E ASSISTA

No Agreste, Pernambuco Quer Mudar confirma candidatura única


Movimento da oposição lançou candidatura neste sábado (3). Nome do candidato será conhecido em abril.


O movimento da oposição Pernambuco Quer Mudar anunciou, em Caruaru, no Agreste de Pernambuco, neste sábado (3), que o grupo lançará candidatura única ao Governo do Estado. O nome do candidato será conhecido em abril. A frente juntou prefeitos, ex-prefeitos, vices, deputados estaduais e federais, além de vereadores, trabalhadores e representantes de setores da sociedade.

Anfitriã do evento, a prefeita Raquel Lyra (PSDB) destacou que o atual governo do Estado não representa o povo de Caruaru. Para o ministro de Minas e Energia, Fernando Filho, o atual governo não conseguiu manter unido o que levou anos para o ex-governador Eduardo Campos juntar com as mãos
Ministro da Educação, Mendonça Filho (DEM) cravou que o estado está desgovernado e sem liderança. “Ao mesmo tempo não tem liderança política para aglutinar as forças principais do Pernambuco de um lado e de outra parte as políticas públicas como saúde, educação, infraestrutura não chegam para atender o povo pernambucano. Falta saúde, falta segurança pública e o estado tem cada vez mais sua infraestrutura física, como estradas, deteriorada”, ressaltou.

O senador Armando Monteiro (PTB) destacou que o grupo das oposições é um conjunto que tem história, experiência, juventude, decência e espírito público e vai, a partir de abril, iniciar o trabalho para apresentar uma nova agenda a Pernambuco. “Vamos ouvir a população e recolher contribuições para construir um novo projeto para o Estado. Aquele que merecer a escolha vai a escolha vai, em qualquer hipótese, ter que ter entusiasmo. Sou fiador desse compromisso que hoje se afirma em Pernambuco”, garantiu. Último a discursar, o ex-governador João Lyra Neto (PSDB) acusou que o que a atual gestão diz na publicidade não condiz com a realidade do povo. Fonte: FolhaPE