CRIMES

[Crimes][grids]

NOTÍCIAS

[Notícias][stack]

POLÍTICA

[Política][grids]

ESPORTE

[Sportes][stack]

Se Liga Fest

[SE LIGA FEST][grids]

RELIGIÃO

[Religião][grids]

CIDADES

[Cidades][stack]

CULTURA

[Cultura][grids]

TV BOA ESPERANÇA

CLIP GOSPEL

Leão joga de olho na Terceira Fase da Copa do Brasil

Comandado por Nelsinho Baptista, time pernambucano enfrenta o Ferroviário/CE, nesta quinta (15), na Ilha


Controlar uma crise interna de jogadores para conseguir faturar R$ 1,4 milhão e se manter vivo na Copa do Brasil. Passada a Fflia de Momo e, após oito dias de intervalo para descansar e treinar, essa é a missão do Sport nesta quinta-feira (15), diante do Ferroviário/CE, às 18h15 (horário de Recife), na Ilha do Retiro.

Em confronto único, válido pela Segunda Fase da Copa do Brasil 2018, o Leão precisa vencer para conseguir classificação direta para a Terceira Fase, na qual encara o vencedor do duelo entre Vila Nova/GO e Joinville/SC. Em caso de empate, a vaga será definida nas cobranças de pênaltis. Ao contrário da etapa inicial da disputa, não há vantagem para nenhuma equipe.

Até agora, os rubro-negros já somam R$ 2,2 milhões em premiação na disputa - R$ 1 milhão por disputar a Primeira Fase e mais R$ 1,2 milhão por figurar nesta atual etapa do torneio -, podendo atingir um total de R$ 3,6 milhões se passarem pelos cearenses nesta noite, em casa.

Ainda devendo uma apresentação convincente nesta temporada, nos seis jogos que fez até agora, o Sport também sofre com a "rebeldia" de alguns de seus atletas. Depois de propostas balançarem jogadores como Rithely e André, além de Diego Souza, que aceitou e resolveu deixar o clube, o treinador Nelsinho Baptista resolveu afastar o atacante Juninho por indisciplina.

No caso de André, a situação parece resolvida. Com contrato até 2022, o Leão não aceitou a proposta do Grêmio, que já acertou a ida de Hernane Brocador, que estava no Bahia. Assim, o atacante está relacionado para o jogo de hoje e deve retomar a vaga de titular. No caminho inverso, Rithely esteve presente no confronto no Amapá, mas sentiu dores no tornozelo esta semana e foi vetado pelo Departamento Médico.

Apesar dos problemas, os jogadores leoninos esperam contar com o apoio do torcedor. "Com o apoio do torcedor empurrando o tempo todo, os 90 minutos, a Ilha se torna um palco forte para o Sport. Todos os times sentem dificuldades e sem dúvidas é difícil ganhar da gente com ela lotada. Espero que possamos jogar nesse cenário contra o Ferroviário", disse Marlone, em entrevista ao site oficial do clube.

Ficha do jogo
Sport
Magrão; Fabrício, Henríquez, Léo Ortiz e Capa; Anselmo, Thallyson, Neto Moura e Marlone; Gabriel e André. Técnico: Nelsinho Baptista.

Ferroviário/CE
Bruno Colaço; Amaral (Piauí), Erandir, Túlio e Sávio; Mazinho, Janeldo, Jean Carlos e Valdeir; Valdo Bacabau e Andrei (Mota). Técnico: Ademir Fonseca.
Local: Ilha do Retiro (Recife).
Horário: 18h15 (de Recife).
Árbitro: Rodrigo Batista Raposo (DF).
Assistentes: Ciro Chaban Junqueira e Luciano Benevides de Sousa (ambos do DF). Transmissão: Sportv e Premiere. Fonte: FolhaPE