CRIMES

[Crimes][grids]

NOTÍCIAS

[Notícias][stack]

POLÍTICA

[Política][grids]

ESPORTE

[Sportes][stack]

Se Liga Fest

[SE LIGA FEST][grids]

RELIGIÃO

[Religião][grids]

CIDADES

[Cidades][stack]

CULTURA

[Cultura][grids]

TV BOA ESPERANÇA

CLIP GOSPEL

Leão com obrigação de vencer e convencer contra Vitória

Em dívida, Sport tem missão de superar Vitória, invicto no Estadual, para apagar má impressão do início de temporada


Misto de desconfiança e esperança, o clima da Ilha do Retiro é um tanto quanto imprevisível. Em dívida com o seu torcedor pelas fracas atuações nos nove jogos que fez até agora. Do outro lado, a expectativa para que os bons ventos voltem a soprar na Praça da Bandeira vem da nova diretoria de futebol, empossada oficialmente na última quinta-feira e liderada pelo vice-presidente de futebol Guilherme Beltrão. Nessa mistura de sentimentos, o Sport tem a missão de bater o único invicto do certame, o Vitória, neste sábado, na Ilha do Retiro, às 18h30. Na quarta colocação com 12 pontos ganhos, o Leão precisa bater o Tricolor das Tabocas, vice-líder, com 13 pontos, e assim igualar o líder Náutico em número de pontos, que joga contra o Flamengo de Arcoverde, na segunda-feira.

E após a atuação pífia no empate em 0x0 diante do Belo Jardim, a expectativa é que Nelsinho Baptista mexa novamente no time. No último compromisso, o comandante leonino já tinha promovido mudanças mesmo vindas de uma vitória diante do América, ainda pela sétima rodada. Na etapa seguinte, contra o Calango, ele manteve o esquema com três volantes, mas acionou Pedro Castro como titular no lugar de Thallyson. Com um baixo rendimento, Pedro Castro foi sacado ainda no intervalo na última quarta-feira, no Lacerdão. Por isso, o mais provável é que o treinador abandone o esquema com um trio de marcação e acione mais um homem ofensivo, podendo armar um trio com Marlone, Rogério e Gabriel, tendo Leandro Pereira como referência no ataque.

Prova da ineficiência ofensiva, o Sport marcou apenas sete gols em sete jogos neste Pernambucano, mesmo jogando contra times teoricamente inferiores ao que terá no Brasileirão da Série A, por exemplo. Servindo como comparativo, o melhor ataque (Náutico) tem o dobro de tentos anotado pelo Leão. "Vai ter cobrança sim. Quem quer ficar fica, quem quiser sair pode ir embora. A porta da rua é serventia da casa. Não é possível termos o melhor time, no papel, e estar no quarto lugar do Campeonato Pernambucano. Não é aceitável", declarou Guilherme Beltrão, adotando o novo estilo linha dura na Ilha do Retiro.

Ficha técnica:
Sport

Magrão; Felipe Rodrigues, Ronaldo Alves, Léo Ortiz e Sander; Anselmo, Fabrício, Thallyson (Gabriel), Marlone e Rogério; Leandro Pereira. Técnico: Nelsinho Baptista.

Vitória
Dida; Jonatha, David e Fabinho; Felipe, Paulo Victor, Oliveira e Felipe; Thomas Anderson, Val Paraíba e Geovane. Técnico: Fernando Lins.

Local: Ilha do Retiro (em Recife).
Horário: 18h30. Árbitro: Nielson Nogueira Dias. Assistentes: Marcelino Castro e Dhiêgo Cavalcanti Pereira. Transmissão: Premiere. Fonte: FolhaPE