CRIMES

[Crimes][grids]

NOTÍCIAS

[Notícias][stack]

POLÍTICA

[Política][grids]

ESPORTE

[Sportes][stack]

Se Liga Fest

[SE LIGA FEST][grids]

RELIGIÃO

[Religião][grids]

CIDADES

[Cidades][stack]

CULTURA

[Cultura][grids]

TV SE LIGA

CLIP GOSPEL

Timbu fará pausa nas contratações, diz treinador

Roberto destacou que novos nomes poderiam apenas "inchar" o elenco


O Náutico não deve fazer mais contratações, ao menos neste início de 2018. É isso que garante o técnico Roberto Fernandes. Na entrevista após o empate em 2x2 com o Altos/PI, na Arena de Pernambuco, pela estreia da Copa do Nordeste, o treinador revelou que novos nomes poderiam apenas trazer "mais do mesmo".

"A realidade do Náutico hoje não permite contratação. Qualquer uma, sem um fato novo como patrocinador ou mais sócio, seria apenas para "inchar" o elenco, com atletas do mesmo perfil que já temos", afirmou o técnico.

Ainda prosseguindo no tema, Roberto indicou que a queda à Série C mudou o panorama do Náutico para temporada. "O problema é que não estavam acostumados a ver esse tipo de situação em Pernambuco. Mas essa é a realidade.Sampaio Corrêa subiu da C para B com folha de R$ 170 mil. Sera que lá tinha pressão e ansiedade como aqui? Não, eles perderam alguns jogos, mas subiram. O momento não é de anos anteriores, que um lateral jogava mal e o clube contratava outros três jogos depois. Aí você tinha seis laterais na equipe, com uma folha maior do que poderia pagar, acumulando dívida. Nesse tempo o clube teve dois rebaixamentos e nada de título. É preciso ter paciência", assegurou.

Vale citar que, com a possível oficialização da desistência do clube em ter Thiago Cunha de volta - o jogador foi liberado no final de dezembro para resolver problemas particulares e não voltou -, a tendência é que o Timbu dê seu "último tiro" e feche com um nome para suprir a saída do atacante. 
Fonte: FolhaPE