CRIMES

[Crimes][grids]

NOTÍCIAS

[Notícias][stack]

POLÍTICA

[Política][grids]

ESPORTE

[Sportes][stack]

Se Liga Fest

[SE LIGA FEST][grids]

RELIGIÃO

[Religião][grids]

CIDADES

[Cidades][stack]

CULTURA

[Cultura][grids]

SE LIGA NO CLIP GOSPEL

TV BOA ESPERANÇA

Santa Cruz: franco atirador com sonho do bi do Nordestão

Tricolor estreia em 2018 diante do Confiança/SE, pela Copa do Nordeste


Com um elenco modesto e a folha salarial enxuta, o Santa Cruz entra na Copa do Nordeste 2018 como franco atirador, mas com o sonho de conquistar o bicampeonato. O feito alcançado no passado recente, em 2016, diante do Campinense/PB, dá um fio de esperança aos tricolores, que estreiam na temporada contra o Confiança/SE, hoje, às 21h45, na Arena Batistão. Os favoritos ao título deste ano são Bahia, Vitória e Ceará, todos da elite do futebol brasileiro. A Cobra Coral participa do campeonato pela 12ª vez (um título e três semifinais, a última delas no ano passado, diante do rival Sport).

Único cabeça de chave do Estado, o Santa tem um grupo duro na primeira fase da competição. Além dos sergipanos, CRB/AL e Treze/PB são adversários. Apesar do grau de dificuldade, a logística conspira a favor dos pernambucanos por conta das viagens menos desgastantes: Aracaju, Maceió e Campina Grande.

Maior torneio regional, o Nordestão é rentável para os cofres dos clubes. Com a desistência do Sport, o Tricolor foi alçado da etapa preliminar à fase de grupos, garantindo uma cota de R$ 1 milhão. Caso avance para as quartas de final, a premiação é de R$ 450 mil.

Em Aracaju desde o último domingo, a delegação coral conta com 20 atletas em regime de concentração: goleiros Tiago Machowski e Lucas Silva; laterais Vítor, Ítalo, Paulo Henrique e Weslley; zagueiros Augusto Silva, Renato Silveira, Genílson e Júnior; volantes João Ananias, Jorginho, Ilaílson e Lucas Gomes; meias Daniel Sobralense, Arthur Rezende, Jeremias e Anderson; atacantes Robinho e Augusto. O que chama a atenção na lista de relacionados é a carência do ataque, com apenas duas opções.

Após encerrar os preparativos no CT do Sergipe, ontem à tarde, o técnico Júnior Rocha comentou sobre a expectativa para a sua estreia à frente do comando. “A partida vai ser dificílima. O Confiança, do técnico Aílton (Silva), manteve a base. O adversário tem um bom treinador e muitos remanescentes. Como eles jogam em casa, espero uma dificuldade ainda maior”, declarou.
Ainda no penúltimo dia da pré-temporada em Aldeia, o treinador adiantou a escalação para a primeira partida oficial. Inclusive, antecipou para os jornalistas que não costuma esconder a formação e nem fechar treinos. “Nada de mistério para a Imprensa”, brincou.

Confiança
A estreia do Dragão de Aracaju na temporada foi pelo Campeonato Sergipano, no último sábado, quando ficou no empate em 2x2 com o Olímpico/SE. No estadual, o Confiança/SE é um dos favoritos ao título.

Premiação do Nordestão por fase:
Subgrupo 1 - R$ 1 milhão (Bahia/BA, Vitória/BA, Ceará/CE e Santa Cruz);
Subgrupo 2 - R$ 850 mil (ABC/RN, Sampaio Corrêa/MA, CRB/AL e Botafogo/PB);

Subgrupo 3 - R$ 775 mil (Salgueiro/PE, Confiança/SE, Altos/PI e Ferroviário/CE);

Subgrupo 4 - R$ 750 mil (Náutico, Treze/PB, Globo/RN e CSA/AL);
Quartas de final - R$ 450 mil;
Semifinal - R$ 550 mil;
Vice - R$ 600 mil;
Campeão - R$ 1,5 milhão.

Ficha técnica:
Confiança/SE
Rafael Robalo; Arlan, Vitor Pio, Gabriel e Radar; Zaquel, Rafael, Diogo e André Beleza; Léo Ceará e Klenisson. Técnico: Aílton Silva.

Santa Cruz
Tiago Machowski; Vítor, Genílson, Renato Silveira e Paulo Henrique; João Ananias, Jorginho, Daniel Sobralense e Arthur Rezende; Augusto e Robinho. 

Técnico: Júnior Rocha.
Local: Arena Batistão (Aracaju/SE).
Horário: 21h45 (do Recife). Árbitro: Diego da Silva Castro (PI).

Assistentes: Rogério de Oliveira Braga (PI) e Mauro Cezar Evangelista de Souza (ambos do PI).

Transmissão TV: Esporte Interativo e TV Jornal. Fonte: FolhaPE