CRIMES

[Crimes][grids]

NOTÍCIAS

[Notícias][stack]

POLÍTICA

[Política][grids]

ESPORTE

[Sportes][stack]

Se Liga Fest

[SE LIGA FEST][grids]

RELIGIÃO

[Religião][grids]

CIDADES

[Cidades][stack]

CULTURA

[Cultura][grids]

TV BOA ESPERANÇA

CLIP GOSPEL

Modelo mirim comete suicídio e pai faz apelo contra bullying

A estrela mirim de uma popular campanha publicitária na Austrália cometeu suicídio aos 14 anos de idade após sofrer bullying. De acordo com Tick Everett, seu pai, Amy "Dolly" Everett tirou a própria vida "para escapar da maldade deste mundo", sem revelar detalhes do tipo de agressão sofrida pela filha. Em um post no Facebook, ele convida os responsáveis a comparecer ao funeral e "presenciar a devastação provocada".  

Amy se tornou conhecida no país após estrelar, aos 8 anos de idade, uma campanha publicitária da Akubra, criadora de chapéus de caubói com pele de coelho. A empresa divulgou uma nota de pesar nas redes sociais, lamentando o ocorrido e pedindo o fim do bullying. "nós estamos chocados ao saber da morte de 'Dolly' - a garotinha que muitos de vocês reconhecerão da nossa última campanha de natal. Dolly escolheu tirar a própria vida para escapar do bullying ao qual estava sendo submetida. Bullying de qualquer tipo é inaceitável", disse o texto.  

No texto emocionado, o pai da vítima faz um apelo: "Se, por acaso, as pessoas que pensaram que isso era uma piada e se sentiram superiores pelo constante bullying e assédio virem esse post, por favor, venham ao funeral para presenciar a completa devastação que vocês criaram". "Se pudermos ajudar outras vidas preciosas que estão perdidas ou em sofrimento, então a vida de Doll não terá sido em vão", completa ele Fonte: Diário de Pernambuco