CRIMES

[Crimes][grids]

NOTÍCIAS

[Notícias][stack]

POLÍTICA

[Política][grids]

ESPORTE

[Sportes][stack]

Se Liga Fest

[SE LIGA FEST][grids]

RELIGIÃO

[Religião][grids]

CIDADES

[Cidades][stack]

CULTURA

[Cultura][grids]

TV SE LIGA

CLIP GOSPEL

Segunda etapa do evento sobre águas e resiliência ocorre neste mês de novembro, em Belo Jardim, PE


Após realizar dois encontros no mês de outubro, o “Digitologias: inspirações para um futuro abundante” traz mais dois debates sobre como traçar iniciativas mais sustentáveis na cidade de Belo Jardim. Nos dias 11 e 21 de novembro, os belo-jardinenses sentam para conversar como podem planejar um município que administra uma agricultura sustentável de forma crescente e que pensa nos percursos das águas urbanas.

O primeiro encontro deste mês (11) ocorre no Casarão de Artes de Serra dos Ventos, a partir das 10h. Na ocasião, Paulo Santana do Serviço de Tecnologia Alternativa (SERTA), Sarah Bailey do Sítio Pitanga (PE) e Bruno Tambellini do Inkiri Piracanga (BA) correlacionam suas experiências com cinco dos 17 objetivos traçados pela Organização das Nações Unidas (ONU), são eles: Fome zero e agricultura sustentável, Trabalho decente e crescimento econômico, Consumo e produção responsável, Vida na Água e Vida terrestre.

Já o segundo encontro (21) acontece na Antiga Fábrica de Mariola, a partir das 18h. Neste encontro, Alexandre Ramos da Secretaria de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente da Prefeitura do Recife, e José Edson Lopes Piaba presidente do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Ipojuca, conversam sobre “quais os desafios e as proposições para a resiliência das águas urbanas?”

As apresentações dos encontros ficam por conta do Grupo de Reflorestamento de Serra dos Ventos, com Esmeraldino de Lima, Bárbara Amorim e João de Duda, no dia 11. E no dia 21, com Anna Karina, representando o Pesquisa e Inovação para as Cidades (INCITI) da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).

Digitologias: inspirações para um futuro abundante é uma realização da 3Ecologias, junto com a promoção do Instituto Conceição Moura (ICM). Trata-se de um ciclo de conferências que integra o roteiro para a localização dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, uma ação mundial coordenada pela ONU entre governos, empresas, academia e sociedade civil.

SERVIÇO:
Sábado (11/11): Agroecologia, Certificação e Rastreabilidade
Local: Casarão de Serra dos Ventos

Horário: 10h
Convidadxs:

Paulo Santana – Serviço de Tecnologia Alternativa — SERTA (PE)
Sarah Bailey – Sítio Pitanga (PE)
Bruno Tambellini – Inkiri Piracanga (BA)
Apresentação: Grupo de Reflorestamento de Serra dos Ventos (PE)

Esmeraldino de Lima
Bárbara Amorim
João de Duda
*Carona: Neste dia carros vão sair da Antiga Fábrica da Mariola em direção à Serra dos Ventos, a partir das 9h.

Terça-feira (21/11): Desafios para a água e a resiliência social e urbana

Local: Antiga Fábrica da Mariola
Horário: 18h

Convidados:
Alexandre Ramos –  Secretaria de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente da Prefeitura do Recife (PE)

José Edson Lopes Piaba – Presidente do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Ipojuca (PE)

Apresentação:

Anna Karina – Pesquisa e Inovação para as Cidades (INCITI) – UFPE