CRIMES

[Crimes][grids]

NOTÍCIAS

[Notícias][stack]

POLÍTICA

[Política][grids]

ESPORTE

[Sportes][stack]

Se Liga Fest

[SE LIGA FEST][grids]

RELIGIÃO

[Religião][grids]

CIDADES

[Cidades][stack]

CULTURA

[Cultura][grids]

TV SE LIGA

CLIP GOSPEL

Secretaria de Saúde de Belo Jardim presta esclarecimentos sobre o convênio com o Hospital Santa Fé em sessão extraordinária na Câmara de Vereadores

Nesta terça-feira (14), atendendo a uma solicitação da Câmara de Vereadores de Belo Jardim, o secretário de Saúde, Silvano Galvão, o médico Dr. Tito José, a presidente da comissão de licitação e o enfermeiro auditor da Secretaria de Saúde, Romana Araújo e Heleno Júnior e o procurador geral do município, Uriel Filho,  participaram de uma reunião extraordinária na Câmara, para prestar esclarecimentos sobre o convênio entre a Prefeitura de Belo Jardim e o Hospital Santa Fé.      

Na oportunidade o secretário de Saúde, Silvano Galvão e o médico Dr. Tito José, proprietário da unidade hospitalar, apresentaram aos vereadores e a população presente no plenário, o fluxo de atendimento do Hospital Júlio Alves de Lira, triagem do atendimento, tabela de preço que se baseia o convênio, número de cirurgias que foram realizadas no Hospital Santa Fé, e falaram da importância do convênio para Belo Jardim. “Quem quiser saber o quanto esse convênio é importante para a população de belo-jardinense, especialmente a mais carente, pergunte a uma mãe que teve seu filho cirurgiado e que estava há mais de dois anos na fila de espera, e escute o seu depoimento. A população belo-jardinense precisava que esse convênio tivesse sido feito muito anteriormente, até hoje, desde o dia de início do convênio já fizemos 49 cirurgias, e tenho mais 11 marcadas para esta semana dos pacientes da rede de saúde pública municipal”, declarou o médico.     

A apresentação técnica do convênio foi realizada pelo enfermeiro auditor e pela presidente da comissão de licitação, que ao término da reunião entregaram cópias do contrato do convênio a todos os vereadores presentes. “Foi um momento muito importante para a administração, pois isso reforça o nosso compromisso de ser uma gestão transparente, explanamos toda funcionalidade dos atendimentos, as cláusulas do contrato referentes a valores e ficamos abertos aos questionamentos dos vereadores, que foram sanados. Reiteramos que o presente convênio é regido pela Constituição Federal, pela Norma Operacional de Assistência à Saúde (NOAS), e pelo manual de orientação para contratação de serviços de saúde do ano 2016. Deixo registrado que quando recebemos a convocação dos vereadores, atendemos prontamente, e estamos à disposição para quaisquer esclarecimentos”, pontuou a presidente. Assessoria