CRIMES

[Crimes][grids]

NOTÍCIAS

[Notícias][stack]

POLÍTICA

[Política][grids]

ESPORTE

[Sportes][stack]

Se Liga Fest

[SE LIGA FEST][grids]

RELIGIÃO

[Religião][grids]

CIDADES

[Cidades][stack]

CULTURA

[Cultura][grids]

TV BOA ESPERANÇA

CLIP GOSPEL

Quadrilha expolde caixa eletrônico e faz reféns no Sertão


Mais um caso de explosão de caixa eletrônico é registrado em Pernambuco.Por volta das 2h45 desta terça-feira, cerca de 15 suspeitos fortemente armados invadiram o posto de auto-atendimento do banco Bradesco na cidade de Moreilândia, no Sertão do estado. A informação foi confirmada pelo Sindicato dos Bancários.

A quadrilha utilizou bananas de dinamite para explodir o único caixa eletrônico do posto e roubar o dinheiro do equipamento. De acordo com a polícia, os criminosos chegaram a fazer reféns dois funcionários de uma funerária localizada nas proximidades do posto e teriam cercado a delegacia e a Cadeia Pública da cidade, efetuando vários disparos contra os prédios públicos. Após ao assalto, os reféns foram liberados e ninguém ficou ferido.

Policiais militares do 7° Batalhão chegaram a trocar tiros com os assaltantes e viaturas de apoio foram acionadas para fazer buscas e prender os suspetos. Não há informações sobre feridos ou presos até o momento. A quantoia roubada não foi informada.

Balanço - Com este registro, sobe para 154 o número de investidas criminosas contra bancos este ano no estado, elevando para 44 o número de explosões a caixas-eletrônicos em Pernambuco. O balanço é realizado pelo Sindicato dos Bancários.

Outro caso - Em junho deste ano, um grupo explodiu uma agência no mesmo município. Durante a ação, os assaltantes dispararam tiros contra a Delegacia de Polícia Civil e contra o Batalhão da Polícia Militar. Ninguém ficou ferido. Segundo informações da Polícia Civil, por volta de 1h45, cerca de 15 a 20 homens chegaram à cidade em quatro carros, portando armas de grosso calibre. Parte do bando se posicionou em frente à Delegacia e efetuaram vários disparos. Outra parte do grupo seguiu para o Batalhão de Polícia Militar, onde mais tiros foram efetuados, como forma de intimidar os policiais. Depois, os assaltantes seguiram para a agência e usaram dinamites para explodir o cofre principal do banco. Com o impacto, a agência ficou destruída. 
Fonte: Diario de Pernambuco