CRIMES

[Crimes][grids]

NOTÍCIAS

[Notícias][stack]

POLÍTICA

[Política][grids]

ESPORTE

[Sportes][stack]

Se Liga Fest

[SE LIGA FEST][grids]

RELIGIÃO

[Religião][grids]

CIDADES

[Cidades][stack]

CULTURA

[Cultura][grids]

TV SE LIGA

CLIP GOSPEL

Malhas da Lei e Rocam Captura elementos Após assalto em Santa Cruz do Capibaribe


A Polícia Militar representada pela equipe de Rondas Ostensivas Com Apoio de Motocicletas (ROCAM), juntamente com o Malhas da Lei, capturou na manhã desta terça-feira, 29 de agosto, três indivíduos no bairro Nova Santa Cruz em Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste do Estado.

De acordo com informações, quando de serviço, transeuntes informaram que havia acabado de acontecer um assalto e que os elementos deixaram o local a pé, deixando para trás uma motocicleta Pop de placa QFN-3989. No momento da ocorrência, foi localizada a vítima, que informou que os assaltantes tentaram roubar sua moto XRE, não conseguindo roubando seu aparelho celular.

No trajeto da perseguição foi informado que um dos suspeitos estava escondido em uma residência em frente ao Colégio Maria Lúcia.


Foi solicitado o apoio da equipe Malhas da Lei, sendo assim, o policiamento ficou esperando que eles saíssem da residência, e neste momento, chegou um automóvel Uno de placas KJU-0154 de cor branca defronte da moradia onde estavam os meliantes, tendo descido dois indivíduos que se aproximaram da porta e quando tocaram a campainha, tendo os acusados que estavam no interior aberto à porta.


Neste momento, os quatro elementos foram abordados pelo efetivo. Na abordagem foi encontrado com um adolescente, de 16 anos de idade, um revólver cal. 32 com seis munições intactas, como também um aparelho celular de marca LG.


Os outros três abordados foram José Sivonaldo de Souza Lima, de 20 anos de idade, Cleiton de Souza Silva, de 18 anos de idade, e outro adolescente de 16 anos de idade. O imputado Cleiton de Souza Silva afirmou que roubou o motocicleta Pop 100, de placa QFN-3989, na semana passada.


Diante dos fatos, os envolvidos foram conduzidos até a Delegacia de Plantão para serem tomadas as medidas cabíveis. Os maiores foram autuados por corrupção de menores, porte ilegal de arma de fogo e receptação. Já os menores foram por associação ao crime. Fonte : Blog Agreste Notícia