CRIMES

[Crimes][grids]

NOTÍCIAS

[Notícias][stack]

POLÍTICA

[Política][grids]

ESPORTE

[Sportes][stack]

Se Liga Fest

[SE LIGA FEST][grids]

RELIGIÃO

[Religião][grids]

CIDADES

[Cidades][stack]

CULTURA

[Cultura][grids]

TV SE LIGA

CLIP GOSPEL

Descaso: Casa de Apoio de Recife acumula lixo, eletrodomésticos quebrados e banheiros inadequados

Já pensou você ou um parente seu precisar de um tratamento médico em Recife e não ter onde ficar? Pensando nisso, foi criada a Casa de Apoio de Belo Jardim. Acontece, que o que era para ser um lugar agradável para dar conforto e segurança, acabou se transformado em um verdadeiro depósito de pacientes.   
Essa situação foi comprovada no último domingo (28), quando o secretário de saúde Dr. Maneco, resolveu fazer uma visita ao local. “Eu estive na Casa de Apoio em Recife para conferir o estado físico e se ela tinha condições de receber pacientes. O que encontrei foi uma casa deteriorada, sem a menor condição de uso”, afirma ele.

Na ocasião, o secretário fez questão de registrar com dezenas de fotografias [que ilustram essa matéria] os ambientes da Casa de Apoio. “Os banheiros estão sem condições de uso, com descarga quebrada. O masculino fica fora da casa, fazendo com que o doente saia na chuva ou no frio para utiliza-lo. As camas não possuem lençóis para troca, nem tampouco para atender a demanda dos pacientes”.

E a falta de estrutura não para por aí: “a mesa de refeição é uma tábua sustentada por dois cavaletes e quatro cadeiras quebradas. Existe um liquidificador emprestado, porém está quebrado, assim como o bebedouro e o ventilador. O portão da frente fica encostado em uma pedra e se alguém ter um empurrão, abre. A porta não tem trinco, só chave”, relata indignado o gestor da saúde municipal, que completa: “saí de lá horrorizado com o desmando que o prefeito cassado deixou”.

O quadro de funcionários também enfrenta problemas, pois os salários estão atrasados. “Tem um caseiro que faz tudo por lá, inclusive funções que não lhe cabem, como levar pacientes para hospitais. Outra vai todos os dias, mas uma só aparece uma vez na semana ou a cada 15 dias”.

A situação é ainda mais agravante, pois os pacientes que lutam contra o câncer, hemodiálise e outros tipos de tratamentos estão fragilizados e convivem diariamente com lixo, além da escassez de alimentos e higiene. “Desde outubro no ano passado não mandavam o básico. Somente, há uma semana mandaram uma cesta básica para maquiar”.

Para pôr fim a todo esse desrespeito com a população belo-jardinense, o secretário se comprometeu a proporcionar um tratamento humanizado para todos o que recorrerem à Casa de Apoio. “Vamos iniciar fazendo uma grande limpeza e providenciar novos eletrodomésticos, quando não houver conserto. A prioridade são os doentes. Quem vê o que eu vi lá, sai cabisbaixo”, conclui Maneco.

Diante disso, nesta segunda-feira (29), a secretária de ação social, Rosimere Guimarães, que é responsável pela Casa de Apoio em parceria com a secretaria de saúde, já se deslocou para o espaço a fim de dar início às transformações. 
Descrição: https://ssl.gstatic.com/ui/v1/icons/mail/images/cleardot.gif
Assessoria de Comunicação da Prefeitura Municipal de Belo Jardim - Ascom PMBJ.

Prefeitura Municipal de Belo Jardim, agora é trabalho e seriedade.