CRIMES

[Crimes][grids]

NOTÍCIAS

[Notícias][stack]

POLÍTICA

[Política][grids]

ESPORTE

[Sportes][stack]

Se Liga Fest

[SE LIGA FEST][grids]

RELIGIÃO

[Religião][grids]

CIDADES

[Cidades][stack]

CULTURA

[Cultura][grids]

TV SE LIGA

CLIP GOSPEL

A justiça foi feita: que venham as novas eleições, Dr. Leandro Martins


A JUSTIÇA FOI FEITA: QUE VENHAM AS NOVAS ELEIÇÕES!

         Hoje, 11/05/2017, o Prefeito Liminar de Belo Jardim, enfrentou batalha decisiva no TSE. Muitos com certeza não dormiram de ontem para hoje. Pessoas competentes e incompetentes que lá estão por indicação. Quem está fora não dormiu, pensando na possibilidade de se acalentar no colo da viúva. Finalmente tornou-se dia, o céu carregado guardou suspense em suas nuvens. Dentro da viúva a digestão foi grande, funcionários andaram para lá e para cá, pensando no futuro incerto em pleno período de recessão econômica. O café dos superiores hierárquicos hoje se não veio frio, provavelmente estava morno.

  Diante da viúva, bajuladores fumavam feito caiporas, consolavam uns aos outros. Perante São João Saruê, velas encarnadas talvez foram acesas, os devotos mais fervorosos se inclinaram a afirmar que “vai dá tudo certo”. Os perdedores representantes de um povo ignorante, possivelmente, estão a dizer “vai dá tudo certo, vamos disputar individualmente de novo e vamos ganhar”. Mais uma vez perderão para a própria ambição burra ao subestimar a destreza do adversário carismático e maquiavélico. 

Quase que terminava o dia e não chegava a hora do julgamento final. Hoje é o dia de jogar pedra na Geni. Sem dúvida alguma, João Mendonça Bezerra Jatobá é o resultado dos vícios e virtudes do eleitorado de Belo Jardim. Quem votou em Dr. Maneco e Hélio, vendo o resultado das eleições anteriores, por tabela ajudou a eleger o Jatobá. Ter esperança é bom, mas ignorar os dados e estratégias é estupidez.

         Agora parece que a historia concederá indulgentemente uma nova oportunidade de termos um novo governante. Será? A principal virtude que espero desse possível novo governo é que pelo menos não se locuplete do dinheiro público. Porque não dá para acreditar em gestão que desvia dinheiro público e em um povo que é apenas massa de manobra, pois não sabe participar das decisões junto aos que se dizem seus lideres políticos.

         Fica difícil de acreditar em dias melhores com esse povo que não participa das decisões políticas de seus lideres para disputar eleições. Esse povo que se contenta com um mantra de campanha em um som ensurdecedor, litros de gasolina para sua moto, ou carro, um abraço suado do seu “líder”, 50 reais, fogos de artificio, uma camisa, uma lapada de cana e um bago de laranja. Perriata, carreata, e motocada. Enquanto for assim, pela emoção, viveremos altos e baixos em uma constante instabilidade política que repercuti na vida de todos, principalmente, na grande massa carente da cidade.

         O reinado Jatobá está chegando ao fim ou só está começando! Todos nós somos responsáveis, em razão de nossas omissões como cidadãos pelo canal de esgoto que corta a cidade sem tratamento que nos envenena com esse ar poluído e seus mosquitos malignos, o hospital que não funciona regularmente, a falta de matadouro, de central de abastecimento, dos livros e transporte faltantes para os alunos, etc.

         Espero que o povo se ilumine e mude a mentalidade, enquanto isso não ocorre andaremos em círculo, se alimentando dos dejetos de nossas omissões.


Leandro Martins da Silva