CRIMES

[Crimes][grids]

NOTÍCIAS

[Notícias][stack]

POLÍTICA

[Política][grids]

ESPORTE

[Sportes][stack]

Se Liga Fest

[SE LIGA FEST][grids]

RELIGIÃO

[Religião][grids]

CIDADES

[Cidades][stack]

CULTURA

[Cultura][grids]

TV SE LIGA

CLIP GOSPEL

Menina de 7 anos constrói reservatório para alimentar animais abandonados

"Por que eles estão abandonados e comem restos jogados na rua?" A pergunta veio de Giovanna, de 7 anos, lobinha do 96º grupo Escoteiro Brantmeesters, do Corpo de Bombeiros do Curado, em Jaboatão dos Guararapes. A curiosidade surgiu acompanhada de uma preocupação com os animais maltratados, a chamada empatia. Após ouvir a resposta da mãe Gabriela Vanessa, que explicou a filha sobre o fato de os animais não terem casa, Giovanna perguntou se poderia ajudá-los. A resposta positiva da mãe foi o suficiente.   

A menina teve a ideia de construir um local onde as pessoas pudessem colocar ração e água para alimentar os bichinhos sem lar. Com ajuda dos pais, ela construiu dois reservatórios de palete e colocou uma placa com a seguinte informação: "Eles não são de rua. Eles foram abandonados". "Contribua com o abastecimento. Ajude a cuidar".    

Segundo Gabriela, os reservatórios foram instalados na parte de baixo da Estação do Metrô de Cavaleiro no último sábado porque a filha sempre passa por lá para ir à feira do bairro com ela. "Eu fiquei surpresa quando ela me disse. 'Mainha, eles não são de rua. A gente não nasce na rua, têm pai e mãe. Alguém os abandonou'", contou a mãe. Para Gabriela, o grupo Lobinho amadureceu na filha a ideia de respeitar e ajudar o próximo. Uma alegria para o Dia do Escoteiro, comemorado neste domingo (23).      

Gabriela conta que, no dia  20 de maio, o mesmo grupo de escoteiros realizará o Projeto Educação, na Escola Solar, em Cavaleiro, para abordar temas de impacto social com as crianças, com experiências educativas e divertidas. O evento é replicado no mundo inteiro entre os escoteiros. 
Fonte: Diário de Pernambuco