CRIMES

[Crimes][grids]

NOTÍCIAS

[Notícias][stack]

POLÍTICA

[Política][grids]

ESPORTE

[Sportes][stack]

Se Liga Fest

[SE LIGA FEST][grids]

RELIGIÃO

[Religião][grids]

CIDADES

[Cidades][stack]

CULTURA

[Cultura][grids]

TV SE LIGA

CLIP GOSPEL

Prefeitura de Gravatá é ocupada por servidores que cobram mais diálogo

Sindicato da categoria cobra reivindicação para retomar mesa de negociação.

Prefeitura disse que ações emergenciais são prioridades para gestão atual.


No fim da manhã desta quarta-feira (22) servidores públicos de Gravatá, no Agreste de Pernambuco, foram até a sede da prefeitura. De acordo com o Sindicato da categoria,  a reivindicação é para que mesa de negociação seja retomada.

Eles alegam que o atual prefeito, Joaquim Neto, não recebeu representantes do sindicato. "Já foram enviados quatro ofícios a gestão pública solicitando a abertura da mesa de negociação e nenhuma resposta. Na próxima terça será realizado outra Assembleia para deliberar os próximos encaminhamentos", disse o presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Gravatá, Marcelo Brito.

Ainda de acordo com ele, na pauta estão calendário de pagamento, insalubridade para atividades de risco e defasagem salarial. "Estes itens serão debatidos paulatinamente, a gestão vai informar quais serão de curto, medio e longo prazo", diz.

A secretária de Comunicação de Gravatá, Eliane Macêdo, infomou que durante a reunião foi esclarecido aos servidores que a prefeitura, desde o início da gestão, vem trabalhando para atender as demandas emergenciais.
"A exemplo, podemos citar o funcionamento das escolas, normalização da coleta do lixo e retirada de entulhos que estavam em.praticamente todas as vias da cidade, além da retomada de alguns eventos para retomar o turismo e gerar empregos e renda. Inclusive foi realizado o recadastramento dos servidores", disse.

Ela lembrou ainda que foram investidos recursos em iluminação pública para melhorar a segurança. "Recuperadas as ambulâncias do Samu que estavam sem funcionar, o prefeito normalizou o contrato e a cidade ganhou uma nova com UTI Móvel, entre outras ações". A secretária não informou se o prefeito vai receber os servidores. Fonte: G1